MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | Cursos Gratuitos

Você sabia que dá pra atravessar o Catar de carro em 2h30? Veja curiosidades do país sede da copa

A Copa do Munco começa no domingo (20) e você precisa conferir algumas curiosidades sobre o Catar, um dos países mais ricos do mundo

Veja as curiosidades do Catar, país sede da Copa do Mundo 2022
Veja as curiosidades do Catar, país sede da Copa do Mundo 2022 - Shutterstock
Pedro Miranda

Pedro Miranda

[email protected]

Publicado em 17/11/2022, às 19h21 - Atualizado às 19h59

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

A Copa do Mundo 2022 começa neste domingo (20) no Catar. Sendo um país da Ásia Ocidental, alguns costumes e comportamentos da população são bem diferentes do que estamos acostumados. Com um uma população estimada em pouco mais de 2,8 milhões de pessoas, o Catar tem cerca de 80% dos habitantes vindos de outros países, em geral da Índia, do Paquistão e de Bangladesh.

Mesmo não tendo o futebol como esporte tradicional, o país construiu oito estádios para a Copa do Mundo 2022. Separamos algumas curiosidades sobre o país escolhido para sediar o maior torneio de futebol do mundo.

+++ Seleções e jogadores da Copa do Mundo 2022 usarão braçadeira de arco-íris em protesto ao Catar

Veja as curiosidades do Catar, país sede da Copa do Mundo 2022

Mesmo sendo o país sede da Copa do Mundo 2022, o Catar não tem o futebol como esporte tradicional. Com oito estádios construídos para o Mundial, são as corridas de camelo que são consideradas as práticas esportivas mais famosas do país. Esses torneios costumam ser realizados entre os meses de março e abril.

O Catar tem uma extensão territorial relativamente pequena, cerca de 11.610 km, menor que o estado de Sergipe, inclusive. Se você quisesse atravessar o país de carro, de As Salwa, cidade mais ao sul, de Al Mafjar, no extremo norte, levaria apenas 2h30. Seria um bate e volta tranquilo, hein?

A água para consumo do Catar é retirada do mar. Isso mesmo, a água passa pelo processo de dessalinização, que é separar a água do sal do mar. Especialistas apontam que esse método não é viável porque o processo consome muita energia e os combustíveis fósseis usados ​​contribuem para o aquecimento global, e a salmoura tóxica que produz polui os ecossistemas costeiros.

A data da Copa do Mundo, tradicionalmente realizada no mês de junho, precisou ser alterada para novembro pelas altas temperaturas no Catar. Durante o verão a temperatura por lá chega a alcançar 50º. No processo de candidatura para o Mundial, o país se comprometeu a construir estádios com ar condicionado para amenizar a situação. A questão é que eles não têm como controlar a temperatura dentro de campo e nos arredores do estádio, por onde chegam os torcedores.

A capital do Catar, Doha, integra mais da metade de toda a população do país. Os arranha-céus por lá têm arquitetura mais arredondada e as casas mais tradicionais têm a coloração mais amarelada ou bege. Além de princípios religiosos árabes, existe uma lei local que obriga a aplicação desses tons na pintura das residências para que possam remeter as cores do deserto.

A forma de dar boas vindas do Catar é oferecendo café árabe e doces. Se você não curtir especiarias como cardamomo e açafrão, é melhor nem cogitar visitar o país, pois a comida é conhecida pela mistura desses temperos.

+++Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.