Tudo Sobre

Concurso Ministério da Economia 2022 - Temporários

Notícia em primeiro lugar

Concurso Ministério da Economia abre inscrições para 2.130 vagas; saiba tudo

Novo concurso Ministério da Economia é para o preenchimento de vagas em caráter temporário, de níveis médio e superior, até R$ 6.1 mil



Fernando Cezar Alves | [email protected]
Publicado em 10/01/2022, às 06h07 - Atualizado às 14h35

None
Concurso ministério da Economia: sede do Ministério da Economia : Google Maps

Foi publicado, nesta segunda-feira, 10 de janeiro, o edital de abertura de inscrições do concurso Ministério da Economia, que conta com uma oferta de 2.130 vagas, para contratos em caráter temporário. Do total de postos, 300 são para preenchimento imediato e 1.830 para formar cadastro reserva de pessoal. Do total de postos, 805 são para quem possui ensino médio (115 imediatas e 690 cadastros) e 1.325 para nível superior (185 imediatas e 1.140 cadastros), com remunerações iniciais que variam de R$ 1.700 a R$ 6.130, todos com jornada de 40 horas semanais. As inscrições serão recebidas a partir desta segunda-feira, 10 de janeiro, com atendimento até 14 de fevereiro. 

A distribuição de vagas por cargos, com respectivas exigências e remunerações é a seguinte:

ministério da economia

Para as carreiras de analista de negócios, os aprovados devem contar com experiência de três anos de atividade na respectiva área.

As contratações serão para atuar na execução de atividades relativas à centralização dos serviços de inativos e pensionistas dos órgãos da administração pública federal direta, autárquica e fundacional e nos processos de compensação previdenciária entre regimes de previdência e atividades de natureza administrativa, no âmbito do Departamento de Centralização de Inativos, Pensionistas e Órgãos Extintos - DECIPEX do Ministério da Economia.

A duração dos contratos será de um ano, podendo ser prorrogado por até cinco anos. A lotação dos aprovados será em Brasília (DF)

Concurso Ministério da Economia: saiba como serão as inscrições

As inscrições do concurso Ministério da Economia poderão ser feitas somente pela internet, na página eletrônica da banca organizadora, o Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (IDIB).  Nesta segunda-feira, o acesso poderá ser feito a partir das 10 horas, enquanto no último dia de inscrições, até às 23h59.

As taxas serão de R$ 54 para os cargos de ensino médio e R$ 64 para nível superior. Quem deixar a inscrição para o último dia podera efetuar o pagamento da taxa até 15 de fevereiro.

Concurso Ministério da Economia: saiba como serão as provas

A aplicação das provas objetivas do concurso Ministério da Economia está prevista para ocorrer no dia 3 de abril. Os exames terão início às 8 horas para os cargos de analista de negócios 1b e analista técnico de demandas previdenciárias, judiciárias e de controle;  e às 15 horas para analista de negócio 1a e técnico de atividades previdenciárias e de apoio. A duração dos exames será de quatro horas.  

A prova objetiva contará com 60 questões, distribuídas da seguinte forma:

  • língua portuguesa - 15 questões
  • ética na administração pública e legislação - 5
  • noções de informática - 10
  • conhecimentos específicos - 30

As disciplinas de língua portuguesa , ética e informática terão peso um, enquanto conhecimentos específicos contará com peso dois.

Somente para os cargos de analista de negócios a seleção também contará com análise de títulos, com limite de 10 pontos para a classificação final.  

+ Resumo do Concurso Ministério da Economia 2022 - Temporários

Ministério da Economia
Vagas: 2130
Taxa de inscrição: De R$ 54,00 Até R$ 64,00
Cargos: Técnico, Analista
Áreas de Atuação: Administrativa
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 1700,00 Até R$ 6130,00
Organizadora: Idib
Estados com Vagas: DF
Cidades: Brasília - DF

+ Agenda do Concurso

10/01/2022 Abertura das inscrições Adicionar no Google Agenda
10/01/2022 Encerramento das inscrições Adicionar no Google Agenda
concursosconcursos abertosconcursos federaisprovas anteriores

Comentários

Mais Lidas