MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | Cursos Gratuitos

Não recebeu a restituição do imposto de renda? Veja duas opções para resgatar dinheiro

O último lote de restituição do imposto de renda foi depositado em 30 de setembro, mas fique tranquilo se você não recebeu o dinheiro de volta, pois ainda há tempo para resgatar o crédito

Homem conta dinheiro
Homem conta dinheiro - Divulgação
Mylena Lira

Mylena Lira

[email protected]

Publicado em 28/10/2022, às 21h49

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O último lote de restituição do imposto de renda foi depositado em 30 de setembro, mas fique tranquilo se você não recebeu o dinheiro de volta, pois ainda há tempo para reclamar o crédito e existem duas opções para isso, dependendo do motivo da retenção.

Dados da Receita Federal indicam que foram enviadas 38.188.642 declarações de março a setembro e 1.032.279 foram retidas. Significa que mais de 1 milhão de contribuintes caíram na malha fina. Mas, afinal, o que é malha fina?

Segundo o órgão fiscal, as informações repassadas pelos contribuintes nas declarações são analisadas e confrontadas com dados fornecidos por outras entidades que também precisam prestar informações à Receita, entre elas empresas, instituições financeiras e planos de saúde.

"Se for encontrada alguma diferença entre as informações apresentadas por você em relação às informações apresentadas por terceiros, a sua declaração será separada para uma análise mais profunda, é o que se chama de Malha Fiscal ou "malha fina" como é popularmente conhecida", explica a Receita Federal em sua página.

+Lula x Bolsonaro: veja qual candidato lidera entre quem ganha Auxílio Brasil

Como descobrir se fui contemplado no último lote?

Para saber se você foi incluído no quinto e último lote de restituição do imposto de renda 2022, basta acessar o aplicativo "Meu Imposto de Renda" ou a página da Receita na internet: www.gov.br/receitafederal. Na sequência, clique em "Meu Imposto de Renda" e, em seguida, em "Consultar a Restituição". 

+Vale Gás não será pago em novembro, mas Auxílio Brasil está garantido; Veja calendário

Opções para resgatar o IR retido

A atitude a ser tomada para conseguir sacar a restituição do imposto de renda depende do motivo que ensejou a retenção do reembolso. Quem caiu na malha fina pode entrar no portal e-CAC (Centro Virtual de Atendimento da Receita Federal) para verificar as pendências, enviar uma declaração retificadora e esperar os próximos lotes residuais, destinados a quem resolveu a situação com o Fisco.

Porém, caso constate que enviou as informações corretas, será preciso comprovar os dados inseridos na declaração. Aguarde a notificação da Receita Federal, que indicará os documentos a serem apresentados e o prazo para isso. O Processo Digital para a Malha Fiscal deve ser aberto no site do e-CAC, em "Onde encontro”> “Malha Fiscal – Atendimento”.

Quem não caiu na malha fina, mas deixou de receber porque a conta bancária indicada na hora da declaração foi desativada ou estava errada, por exemplo, pode resgatar o valor da restituição diretamente com o Banco do Brasil. Nesse caso, é preciso reagendar o crédito dos valores de forma simples e rápida pelo Portal BB.

Também há a opção de ligar para a Central de Relacionamento BB pelos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos). O crédito ficará disponível para resgate por até um ano no Banco do Brasil.

Restituição de pensão alimentícia

Um novo grupo de contribuintes terá direito à restituição do imposto de renda: quem declarou pensão alimentícia como rendimento tributável nos últimos cinco anos. A Receita Federal vai devolver o imposto cobrado sobre a pensão de 2018 a 2022, mas é preciso retificar a declaração para receber de volta.

A iniciativa será tomada pela Receita após o Supremo Tribunal Federal (STF) decidir que os rendimentos resultantes desse tipo de pensão são isentos de tributos. Em 23 de agosto, a Corte Suprema publicou a decisão que afastou a incidência de Imposto de Renda sobre valores decorrentes de direito de família, no qual se encaixam pensões alimentares. Clique aqui para saber como reembolsar o imposto cobrado sobre pensão alimentícia.

+++Acompanhe as principais notícias sobre Sociedade no JC Concursos.

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.