MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | Cursos Gratuitos

Domingo ou Segunda-feira? Veja qual é, oficialmente, o primeiro dia da semana

Você sabe qual é o primeiro dia da semana: domingo ou segunda-feira? Descubra o significado histórico, religioso e cultural por trás dessa questão

Domingo ou Segunda-feira? Veja qual é, oficialmente, o primeiro dia da semana
Freepik
Victor Meira

Victor Meira

[email protected]

Publicado em 23/08/2023, às 12h23

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Você já parou para pensar qual é o verdadeiro primeiro dia da semana? Será que é o domingo ou a segunda-feira? Essa é uma questão que gera discussões e interpretações diferentes ao redor do mundo. 

Vamos explorar essa questão e entender as diferentes perspectivas e fundamentações por trás dessa escolha.

+Como calcular o PIS/Pasep? Veja como fazer e onde consultar

Domingo: o dia do descanso e da religião

O domingo é o dia compreendido entre o sábado e a segunda-feira, mas sua importância transcende a simples sequência dos dias da semana. 

Em diversos países, como Brasil, Portugal, Grécia, Japão, Estados Unidos, entre outros, o domingo é considerado o primeiro dia da semana. 

Isso se baseia em fundamentos bíblicos e etimológicos, além de estar enraizado na liturgia cristã e judaica.

Tanto no cristianismo quanto no judaísmo, o domingo é considerado o primeiro dia da semana. Na religião cristã, o domingo é um dia de preceito, onde os fiéis são convocados a comparecer à Missa. A Eucaristia dominical é vista como um alicerce e uma celebração central para os praticantes da fé cristã.

Apesar do enfoque religioso, é importante ressaltar que a interpretação do primeiro dia da semana varia em diferentes partes do mundo. Enquanto em muitos países, como na maioria da Europa, o domingo é considerado o último dia da semana civil, em outras nações, ele permanece sendo o dia de descanso e reflexão.

+Suspeitas da rachadinha na Câmara Municipal do RJ envolve três partidos; salários até R$ 20 mil

Etimologia e origens

A palavra "domingo" tem origem no latim "dies dominicus" ou "dominica", que significa "dia do Senhor". Essa denominação é uma referência direta à relevância religiosa do domingo, em contraste com o latim "dies solis", que significa "dia do sol". 

Em várias línguas românicas, como espanhol, italiano e francês, a palavra também possui essa conotação religiosa.

A história pagã e a transição para o cristianismo

Antes da ascensão do cristianismo, o domingo era conhecido como "dies Solis", homenageando a divindade do Sol Invicto. O culto ao Sol Invicto era difundido em Roma e estava associado a diversas culturas e crenças. 

Com a consolidação do cristianismo como religião oficial, o domingo passou a ser chamado de "dies dominica", Dia do Senhor, refletindo a mudança religiosa e cultural da época.

+Suspeitas da rachadinha na Câmara Municipal do RJ envolve três partidos; salários até R$ 20 mil

O domingo na história

A transição oficial do domingo como Dia do Senhor ocorreu com o édito de Tessalônica em 380 d.C., sob o reinado de Teodósio I. O imperador estabeleceu o cristianismo de Niceia como a religião oficial do Império Romano. A partir de então, o domingo passou a ser oficialmente reconhecido como o primeiro dia da semana.

Mesmo com as transformações históricas, a dualidade do domingo permanece. Hoje, ele representa tanto um dia de culto religioso quanto um dia de descanso e lazer para muitas pessoas. A escolha entre considerar o domingo como primeiro ou último dia da semana pode variar conforme a tradição e a perspectiva cultural de cada sociedade.

Independentemente da interpretação, o domingo permanece como um dia marcante na cultura e na religião de diversas nações, carregando consigo uma rica história de significados e transformações ao longo dos séculos.

+++Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.