MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | saúde | Sociedade | youtube jc

Bolsonaro anuncia nova presidente da Caixa Econômica; escolha seria estratégica para agradar eleitoras

Presidente da Caixa Econômica teria sido escolhida também pela necessidade do governo de melhorar sua imagem com eleitoras. Veja a trajetória profissional

Pedro Miranda* | [email protected]
Publicado em 29/06/2022, às 19h33 - Atualizado às 20h00

Nova presidente da Caixa Econômica é considerada uma boa estrategista
Nova presidente da Caixa Econômica é considerada uma boa estrategista - Agência Brasil
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

Algumas horas depois do comunicado de demissão de Pedro Guimarães à presidência da Caixa Econômica nesta quarta-feira (29), Bolsonaro nomeou Daniella Marques Consentino para chefia do banco público. Ela assume o cargo após revelação de denúncias de assédio sexual a funcionárias da Caixa contra Guimarães.

Marques era secretária especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, em substituição a Carlos Da Costa. Desde o início do governo, em 2019, ela foi chefe da Assessoria Especial de Assuntos Estratégicos do ministro Paulo Guedes. Daniela tem acesso direto ao ministro e bastante prestígio no governo.

Formada em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC) com MBA em Finanças pelo IBMEC/RJ, atuava no mercado financeiro há 20 anos e na área de gestão independente de fundos de investimento. Antes de ingressar no governo Bolsonaro, ela também foi sócia-fundadora e diretora de um fundo de investimento.

+++Pedro Guimarães deixa cargo de presidente da Caixa Econômica; veja a carta de demissão

Nova presidente da Caixa Econômica é considerada uma boa estrategista

De acordo com o blog de Ana Flor, Marques teria sido escolhida pela necessidade do governo Bolsonaro de trabalhar para melhorar sua imagem junto às eleitoras, principalmente após denúncias de assédio na Caixa Econômica. Os colegas da Esplanada dos Ministérios a consideram uma excelente negociadora das questões relacionadas ao Congresso Nacional.

Marques, então assessora do Ministério da Economia, também já precisou ser levada por policiais a uma sala da Polícia Legislativa da Câmara, após desentendimentos com a deputada Maria do Rosário (PT-RS). Ela foi liberada logo em seguida ao assinar um termo para esclarecer o episódio.

Mais recentemente, Daniella Marques defendeu a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), afirmando que o objetivo é estimular o consumo e baratear os produtos, ao mesmo tempo em que amplia os investimentos do setor privado.

Estagiário sob supervisão do jornalista Jean Albuquerque

+++ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaquesSociedadeBrasil
Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.